quarta-feira, 14 de junho de 2017

Sobre receitas à base de tilápia.

(Turma da Oficina "Cozinha Tradicional Revisitada" - Cruz Machado, PR / Foto: Sueli Garbsk - Ascom PMCM)

Há quase um mês atrás tive o prazer de retornar à Cruz Machado, cidade localizada no interior do Paraná a cerca de 300 km da capital para atividades durante a 2ª Feira Gastronômica da localidade, iniciativa da Secretária de Educação e Cultura do munícipio.

(Pratos preparados durante oficina - Fotos: Sueli Garbsk)
De volta com a Oficina “Cozinha Tradicional Revisitada” e como em 2015 quando utilizei o pinhão, desta vez optei por receitas com base na tilápia (conhecido também por Saint Peter) peixe de água doce muito cultivado e consumido na região e em todo o estado do Paraná.

Região muito peculiar onde as etnias polonesa, ucraniana e alemã são destaque por conta da tradição de imigrantes que colonizaram aquela parte do estado, por isso apresentar receitas eslavas ou de origem germânica que são especialidades locais executadas há anos e com maestria por sua gente não seria nenhuma contribuição relevante, por isso optei pela valorização dos produtos locais e sazonais preparando três receitas que todos degustaram ao final.

Foram três pratos: um ceviche de entrada (prato de origem peruana), seguido de um prato principal com tilápia grelhada servida com purê de batata e queijo gorgonzola e molho de manteiga, mel e amêndoas tostadas e por último uma opção de pestisco, um bolinho de tilápia servido com molho de mostarda e mel (que também pode ser cozido como almondegas no molho de tomate para acompanhar uma massa).

Vamos às receitas pois prometi que publicaria aqui no blogue, aliás foi uma turma muito especial que me ajudou muito durante os preparos e montagem dos pratos, especialmente as queridas Rose e Cilene.

(Ceviche preparado em casa e degustado pelo marido - Foto: Rogério Oliveira)
Entrada: Ceviche

Ingredientes:

300g de filé de tilápia
2 limões (usei o Taiti)
2 laranjas (usei laranja Pera)
2 cebolas roxas grandes
1 pimenta dedo de moça grande
1 pedaço de gengibre
½ maço de coentro (ou salsa)
Sal a gosto
*gelo (necessário em dias quentes para preservar o peixe em baixa temperatura)

Modo de preparo:

Corte a tilápia em cubos ou tiras iguais não muito grandes e reserve (caso esteja calor, deixe o peixe cortado num recipiente sobre o gelo). Corte a cebola em fatias bem finas, em seguida descasque, rale ou pique o gengibre, retire a semente da pimenta dedo de moça e pique (dica: não pique a pimenta muito miúda para poder ser retirada por quem tenha problema com pimenta). Misture tudo com a tilápia, acrescente o suco dos limões e das laranjas (a laranja tem a função de diminuir a acidez do limão que por vezes pode deixar o ceviche muito azedo), acrescente as folhas de coentro previamente lavadas e secas, se preferir substitua o coentro por salsa mas o gosto será outro, salgue a seu gosto e deixe na geladeira até a hora de servir. Vale lembrar que a tilápia é um peixe de água doce e portando menos salgado que o robalo peixe de água salgada e também utilizado para o preparo do ceviche (entre outras opções), por isso prove o ceviche e corrija o sal conforme sua preferência.

O ceviche tradicional consumido no Peru ou servido em restaurantes peruanos são acompanhados de outros alimentos como o milho (maiz) e/ou a batata doce (papa Dulce ou camote), por isso é comum encontramos variações da receita em blogues e sites culinários, escolha a sua opção e aproveite essa deliciosa e refrescante entrada.

Tempo de preparo: 40 minutos

Rendimento: de 6 a 10 porções (depende da proposta)

Dificuldade: Fácil

(Tilápia grelhada preparada em casa - Foto: Rogério Oliveira)

Prato principal: Veja aqui a receita da tilápia grelhada servida com purê de batata e queijo gorgonzola e molho de mateiga, mel e amêndoas tostadas (ou castanhas do Pará).

(Bolinhos de tilápias preparados em casa - Foto: Rogério Oliveira)



Para as almôndegas ou bolinho de tilápia acesse a receita de almôndegas aqui e substitua a carne moída por tilápia moída ou picada, no caso de servir com molho de mostarda e mel é só fritar os bolinhos, já para acompanhar um espaguete as almôndegas poderão ser cozidas no molho de tomate como as da receita indicada aqui no blogue.

Ingredientes para o molho de mostarda: 1 laranja, mel a gosto e mostarda Dijon (ou molho de mostarda da sua preferência), sal. Modo de preparo: Para mostarda Dijon que é mais forte e concentrada coloque duas colheres de sopa cheia, acrescente o suco de uma laranja e duas colheres de sopa cheias de mel, misture bem e leve ao fogo baixo para reduzir. Deixe esfriar e sirva como acompanhamento dos bolinhos fritos, como os da foto.




***

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recebemos seu comentário logo ele será publicado. Obrigada pela visita!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...