quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Facas e cortes na cozinha... "armada e perigosa".



Eu sempre tive medo de me cortar na cozinha, não sabia manusear facas, não conhecia técnicas, etc., confesso que às vezes ainda uso as facas de comer nos cortes de verduras e legumes em casa. Depois das primeiras aulas no curso de cozinha ganhei um pouco de confiança e tenho usado facas mais adequadas, além do que descobri que não se trata de força e sim jeito para realizar os cortes. Contudo atenção e alguns cuidados são indispensáveis na cozinha, dia desses cortei o dedo na aula porque alguém deixou uma faca com o fio para cima colado na torneira da pia onde fui lavar algo, não vi e acabei me cortando quando girei a torneira. Não foi nada grave, mas é bom para lembrar as pessoas que "cautela e caldo de galinha" não fazem mal a ninguém.

Para mim faca é fetiche de homem na cozinha, especialmente os que adoram preparar churrasco, mulheres e facas não combinam muito por isso a bricandeira do título "armada e perigosa".  Já houve momentos em que eu gostaria muito de saber usar uma faca! Calma lá, saber usar para poder cortar carnes em casa e não ter que ouvir tamanho desaforo que ouvi quando estive comprando carne em um supermercado. Infelizmente nos grandes centros urbanos os açougues desapareceram, e em alguns lugares deram lugar as tais "boutiques de carnes" puro modismo para cobrar caro pelo mesmo produto e serviço. Mas... voltando a história que estava contando, fui ao supermercado para comprar carne, não havia fila alguma, fiz meu pedido ao suposto "açougueiro" e pedi que ele cortasse para mim em pedaços, nesse momento o sujeito vira e me pergunta em tom irônico: "a senhora não tem faca em casa não?" ...meu sangue subiu e fiquei tão sem reação que na hora não disse nada... depois com calma pensei: deveria ter feito uma reclamação à gerência do supermercado por conta da atitude nada profissional daquele que estava alí para prestar o serviço pelo qual eu pagaria. Atitude que geralmente tenho quando um produto ou serviço me causa descontentamento ou algum transtorno.

Depois disso eu teria as opções de: comprar facas e aprender a fazer os cortes sozinha ou virar vegetariana, optei por comprar alguns livros e começar o curso de cozinha. Em breve estarei cortando aves, peixes, suínos, bovinos e tudo o que aparecer pela frente... risos.

Um dos livros que fazem parte da minha biblioteca gastronômica é o "Facas e Cortes" da PubliFolha, este livro explica passo a passo a arte de cortar, trinchar, picar, filetar e fatiar alimentos, ensinando a realçar o sabor das receitas. Com essas técnicas, os curiosos e apaixonados por gastronomia aprenderão o jeito certo de cortar e levarão menos tempo para preparar as refeições, além de melhorar a apresentação dos pratos. Os renomados chefs Charlie Trotter, Lyn Hall, Marcus Wareing e Shaun Hill, estes dois últimos agraciados com estrelas do Guia Michelin, oferecem orientações detalhadas para escolher as melhores facas e a maneira de utilizá-las em carnes, peixes, legumes e frutas.

Eu recomendo.





Livro: Facas e Cortes:  Técnicas para Cortar, Trinchar, Picar e Filetar Legumes, Peixes, Carnes e Frutas

Autores: Shaun Hill, Lyn Hall, Charlie Trotter e Marcus Wareing

Editora: PubliFolha





***

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recebemos seu comentário logo ele será publicado. Obrigada pela visita!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...